Life Road

13 07 2009

Às vezes a gente acha que  já passou por tanta coisa, mas a vida é longa e as pedras em seu caminho são tantos. É muito chato ficar se lamentando, mas sim, minha “estrada” está uma bosta coisa muito ruim, mesmo com tantas  rosas sem espinho no meu caminho. Pra situar melhor, o meu coração é o personagem principal da saga. Junto com ele, outro coração indeciso e impreciso. Toda noite eu rezo pra que tudo se ajeite. Ontem, tive de tomar um decisão. Algo como matar ou morrer. Como alguém me falou, uma estrada sem volta. Foi uma decisão (muito) difícil, porque é como ela mesma disse: “eu não mereço todo esse teu amor” e é verdade, enquanto não houver mudanças, não tem outra opção. Mas sim, aquele adeus deixou meu coração tão apertado!  Tudo o que pude fazer eu fiz. Dei a primeira chance, dei a segunda mas e a terceira? Nem pensar. Ser otário tem limites. Porém de tudo isso concluo que nada é tão difícil que não pode ser superado. Tudo bem que não vai ser bom, mas “bola pra frente, cabeça erguida, tudo bem isso é normal. Um disamor não pode ser fatal…”

Ricardo Campos

Anúncios

Ações

Information

One response

16 07 2009
vargas

é meu amigo a vida nao é facil mas tb nao é dificil o interessante nisso tudo é q por mais q vc tenha cometido erros no final vc vai parar pra pensar e vai ver q no fim tudo foi um aprendizado nada foi em vao.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: